quarta-feira, 27 de dezembro de 2017

terça-feira, 26 de dezembro de 2017

Cerrado brasileiro agoniza

"Especialistas calculam que, se a perda de 1,1% da superfície original por ano se mantiver, o bioma deixará de existir na primeira metade deste século. Alguns estudos cravam que o fim será em 2030. Os mais otimistas estimam 2050. De acordo com números do Ministério do Meio Ambiente, a média são mais de 9 mil quilômetros quadrados de perda da cobertura vegetal por ano". 
Nos últimos 60 anos, o cerrado transformou-se como nenhum outro bioma brasileiro. Em suas terras, o Brasil expandiu a fronteira agrícola, garantiu a tão esperada integração nacional e possibilitou a mais monumental façanha…
ESPECIAIS.CORREIOBRAZILIENSE.COM.BR

Comida de verdade


Unidas, Comida de Verdade, Cultura Popular e Solidariedade animam o processo preparatório rumo ao IV Encontro Nacional de Agroecologia (ENA) e fortalecem…
ABA-AGROECOLOGIA.ORG.BR

segunda-feira, 25 de dezembro de 2017

Rumo ao IV ENA!

A Articulação Nacional de Agroecologia (ANA) lança a Carta Convocatória do IV ENA – encontro que será realizado de 31 de maio a 3 de junho de 2018, em Belo Horizonte, Minas Gerais. 
O documento é um dos instrumentos de animação e organização dos processos de mobilização rumo a esta quarta edição do Encontro Nacional de Agroecologia (ENA). 
Apresenta os sentidos políticos, os objetivos e as orientações estratégicas do IV ENA, traz sugestões para o processo de mobilização nos territórios, estados e regiões e elenca os temas que serão debatidos.
Compartilhe a Carta Convocatória do IV ENA:http://bit.ly/2AZ6t5Z
IV ENA • Notícias ANA divulga Carta Convocatória do IV ENA 17 de novembro de 2017 A Articulação Nacional de Agroecologia (ANA) lança a Carta Convocatória do IV ENA – encontro que será realizado de 31 de maio a 3 de…
AGROECOLOGIA.ORG.BR

Ministério da Agricultura no Brasil é o domínio do agronegócio

Geografia do Uso de Agrotóxicos no Brasil e Conexões com a União Europeia, por Larissa Mombardi

Núcleo Puxirum Agroecológico
Livro "Geografia do Uso de Agrotóxicos no Brasil e Conexões com a União Européia".
Por Larissa Mies Bombardi, do Laboratório de Geografia Agrária - FFLCH (USP).
Para adquirir o livro no formato impresso, acesse: https://www.larissabombardi.blog.br/atlas2017

Governo brasileiro de Temer causa riscos à segurança alimentar com cortes nos programas sociais de alimentação escolar e aquisição de alimentos

 Neste ano, vimos as discussões em torno do orçamento de 2018 estrangularem os valores para os programas sociais. Um corte significativo e com grande potencial de desestruturação é o que atinge o Programa de Aquisição de Alimentos, que tem objetivo de promover o acesso à alimentação e o incentivo à agricultura familiar. Houve redução drástica das dotações anuais de 2016 e 2017 do PAA, com efetivo pago, entre janeiro e outubro de 2017, de apenas 5 milhões de reais (quando o dotado é de 330 milhões). E o orçamento de 2018 prevê aproximadamente 0,12% do orçamento do programa em 2015. Com isso, o programa está praticamente extinto no ano que vem.
Criado por Getúlio Vargas, outro programa, o PNAE, foi mantido por 16 presidentes, inclusive os militares, o que faz dele um dos programas de Estado mais importantes do País. Levantamento de dados via Sistema Integrado de Planejamento e Orçamento, mostra que até outubro deste ano apenas 53,4% da dotação tinha sido empenhada ou paga.
Leia o texto completo publicado no blog Brasil Debate, na Carta Capital: https://goo.gl/WNQVmQ
Sucessivas medidas anunciadas em Brasília comprovam que o governo federal decidiu estrangular a agricultura familiar
CARTACAPITAL.COM.BR

Documentário 'Sementes: bem comum ou propriedade privada?'

Acaba de ser lançada a versão com legendas em português do documentário Sementes: bem comum ou propriedade privada?, produzido pelo Coletivo de Sementes da América Latina. 
O grupo é formado pela Articulação Nacional de Agroecologia (ANA), do Brasil; a ANAFAE, de Honduras; a Redsag, da Guatemala; a Red de Biodiversidad, da Costa Rica; o Grupo Semillas, da Colombia; a Acción Ecológica, do Ecuador; a Acción por la Biodiversidad, da Argentina e o GRAIN, que atua no México e na Argentina.
Nos ajude a multiplicar e divulgar o documentário, em especial aos guardiões e guardiãs de sementes e da agro e sociobiodiversidade latino-americana!
Acesse o link e semeie o bem comum: https://vimeo.com/240217030